Destaques

Amy Lou Adams

Com 39 anos, Amy Adams carrega em seu rosto uma aparência de menina e mostra que o tempo não faz mal para todo mundo. A atriz de pais americanos, nasceu em Vicenza, na Itália, e já fez de tudo um pouco na vida: trabalhou em um restaurante, foi recepcionista, cantora, dançarina e agora é o que todos nós conhecemos.

A princesa dos contos de fadas do filme “Encantada” sempre possuiu olhos para a arte. Começou como quase todo grande
ator de Hollywood, na sua escola. Dona de uma voz diferenciada, ela começou a cantar no coro de sua turma escolar em Douglas County High School, mas tinha ambição em se tornar uma dançarina. Botou a sapatilha no pé e riscava o chão com seus passos delicados. Deu tão certo que começou a compor elencos de apresentações até ser flagrada por um diretor, que enxergou um talento até então oculto nela, a arte de atuar.

Não é para menos, vencedora de um Globo de Ouro de Melhor Atriz, um prêmio do Screen Actors Guild de melhor elenco e atualmente indicada no Oscar e pelo SatelliteAwards de Melhor Atriz, Amy se mostra em constante crescimento profissional. Sua primeira oportunidade de interpretar um personagem veio por conta de uma lesão que a tirou das apresentações de dança. Seu primeiro teste foi para a comédia de humor negro “Lindas de Morrer”, em 1999.

Apesar do filme não ter sido considerado um sucesso para a crítica especializada, ele foi o suficiente para colocar a atriz em evidência. Surgiram vários convites para outros trabalhos no cinema e principalmente na televisão em seriados de ponta, como The Office, Buffy – A Caça Vampiros, Charmed e Smallville. Sua forte personalidade, autoconfiança e ambição, características típicas de uma leonina, a ajudaram a levar sua carreira a patamares ainda maiores.

Não foi para menos. Ela conquistou papéis maiores e de alto reconhecimento, começando com “Encantada”, produzido
pela Walt Disney, no qual interpretou a princesa Giselle; em seguida compôs o elenco de”Casa Comigo”, interpretando uma jovem que viaja à Irlanda para pedir seu namorado em casamento em 29 de fevereiro, dia bissexto, para seguir uma tradição irlandesa em que o homem que é proposto em casamento nesse dia deve aceitar; e recentemente trabalhou em “Trapaça”, filme que lhe rendeu uma indicação ao Oscar de Melhor Atriz.

Falando de amor, o coração dela já possui dono: ela é noiva do ator Darren Le Gallo, com quem tem um relacionamento desde 2002

Apesar desse fato, em recentes entrevistas, a atriz revelou que acha um desperdício de dinheiro gastar tanto numa cerimônia e pretende selar a união com algo simples. “Casamentos não são um bom gasto para um relacionamento”, acredita.E aí,você compactua com esse pensamento?

Deixe seu Comentário